A Arte Grega

Arte grega- a cultura que influenciou o mundo e gerações.

A civilização grega nasceu de diferentes tribos localizadas em diversas regiões da Península de Peloponeso.
O desenvolvimento do comércio, navegação, e escrita, surgiu do contato com os fenícios.

cultura e arte dos gregos

A Cultura dos Gregos


Os gregos atenienses, tinham uma postura dinâmica e curiosa, o que os habilitavam no gosto por novidades e mudanças. Por isso, desenvolveram uma cultura diferenciada, criando uma mitologia, filosofia, teatro, igualmente muito ricas.
Revolucionaram os esportes instituindo as Olimpíadas, que ocorriam de 4 em 4 anos, em homenagem a Zeus.


Entende-se como arte micênica a produção artística desse povo, incluindo a elaborada no continente e nas ilhas, exceto Creta (chamada de minoico). Os artistas gregos exprimem o que contemplam na Natureza, colocando em suas obras a expressão da perfeição, harmonia, equilíbrio e ideais.
Seu regime de política era democrático. Viveram antropocentrismo, que, juntamente com o racionalismo e procura das proporções e medidas perfeitas, marcam uma era na pintura, arquitetura e escultura.


Após influência mesopotâmica, a arte grega passa por um período fértil e maduro, chamado período arcaico, que durou até 475 a.C.
Depois das batalhas travadas com os persas, a arte grega ganhou autonomia cultural no Mediterrâneo. A fase clássica é a que vai de 475 a.C. até 323 a.C., também conhecido como o último período artístico grego e idade de ouro. Esse período é liderado por Atenas tendo como comandante Péricles.


Os primeiros templos eram semelhantes a cabanas, construídas de madeira, cascalho ou tijolos de barros e as vezes tetos de folhas. No século VI foram erguidas as colunas de pedra, sendo nesse momento o desenvolvimento do trilito – dois pilares de sustentação e um fecho horizontal- por arquitetos. Os templos foram edificados a partir do século VII e apresentavam harmonia simétrica entre a entrada e a saída (ou fundos). O mais conhecido é o Partenon, de Atenas, mas ainda construíram muitos templos, teatros, ginásios esportivos e as ágoras (locais de reunião para debates de diversos assuntos).

A cultura e a arte grega e suas representações


Na pintura, destaca-se a arte cerâmica. O colorido, harmonia e equilíbrio de formas dos vasos gregos são muito conhecidos,geralmente utilizados em rituais religiosos, para armazenar água, vinho, azeite e mantimentos. As formas correspondiam ao tipo de uso e as pinturas situações cotidianas ou passagens da mitologia.


As esculturas representam o ideal pela perfeição, pelo antropocentrismo, equilíbrio e o movimento, até hoje insuperáveis. As esculturas criadas no período arcaico foram influenciadas pelos mesopotâmicos, egípcios e artistas da Ásia Menor. Duas modalidades aparecem nesse período:

  • Kouros: figura masculina;
  • Koré: imagem feminina.
    Durante o século VI e início do século V, escultores estudaram o corpo humano detalhadamente, construindo estátuas com proporções e medidas exatas. No período clássico, a busca por movimento, leva o uso do bronze (mais resistente que o mármore). Figuras femininas surgem sem roupas, representadas em estátuas de mulheres nuas. No período chamado helenístico, com influência romana, os seres são representados conforme suas emoções e estado de espírito,assim os escultores alcançam grande liberdade na arte,onde podem representar figuras, mantendo a aparência de movimento e a beleza.
    Os escultores gregos mais conhecidos são: Praxíteles, Policleto, Fídias, Lisipo e Miron.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *