Bolsa de Estudos – Como conseguir até 100% de desconto

A busca por bolsas de estudo é algo frequente entre os estudantes que procuram entrar na faculdade, ou até mesmo os que já fazem o curso pago, mas precisam conseguir essa bolsa para terminar os seus estudos.

Pensando nisso, fizemos esse artigo especialmente para você, para informar diversas formas de você conseguir sua bolsa de estudo.

bolsa de estudos

Bolsa de estudos Educa Mais Brasil

O Educa mais Brasil faz parcerias com centenas de faculdades pelo Brasil, a única coisa que você deve fazer para conseguir sua bolsa é acessar o site do Educa mais Brasil, escolher o curso ou instituição que queira cursar, selecionar a bolsa disponível para esse curso que pode chegar até 70% e depois pagar um valor correspondente a uma mensalidade do seu curso.

Feito tudo corretamente e fazendo o pagamento, agora você deve imprimir sua carta de aprovação, é com essa carta que identifica a porcentagem de desconto que você vai fazer a matricula na instituição de ensino e curso que você escolheu.

As bolsas disponibilizadas pelo Educa mais Brasil não só serve para cursos de graduação, como também para pós-graduação, Educação básica, Cursos técnicos, Idiomas, Preparatórios para cursos e também Cursos profissionalizantes.

Para conseguir a sua bolsa de até 70% no Educa mais Brasil é só acessar o link https://www.educamaisbrasil.com.br/ e logo ao lado na primeira tela escolher a modalidade, se graduação ou outros tipos de curso que deseja fazer e seguir os passos seguintes do site.

Bolsa de estudo Quero Bolsa

Assim como no Educa mais Brasil, o Quero Bolsa faz parcerias com várias instituições de estudos, são mais de 100 mil cursos que ficam a sua disposição com bolsas que podem chagar até 75% e de uma forma bem simples você consegue adquirir uma bolsa é só fazer um cadastro simples com e-mail e senha ou usar a sua conta do Facebook, feito isso é só seguir com as instruções a baixo.

Para você conseguir sua bolsa, você deve acessar o site do Quero Bolsa, você pode fazer isso através desse link https://querobolsa.com.br/ e logo na primeira página você deve escolher se será graduação ou pós-graduação, em seguida selecionar sua cidade ou a cidade a onde deseja fazer o curso.

Agora é só selecionar o curso pretendido e colocar o valor máximo em reais do que é possível você pagar mensalmente e depois é só clicar em “Encontrar minha bolsa”.

Agora o site vai fazer uma busca e mostrar para você uma janela com instituição, curso, valor do curso, porcentagem da bolsa e algumas outras informações pertinentes, agora é só escolher e clicar em “Detalhes dessa bolsa”, agora você vai ver mais detalhes da bolsa, caso seja a bolsa que realmente quer, é só clicar em “Quero essa bolsa”.

O valor para pagamento para adquirir a bolsa varia de acordo com o curso e porcentagem de bolsa que você conseguiu, mas é um valor muito pequeno perto de uma bolsa que dura até o fim de seu curso.

Bolsa de estudo Guia do Estudante

O guia do Estudante funciona exatamente como os outros dois sites, e sua forma de uso é idêntica ao do Quero Bolsa, até nos 75% máximo que você pode conseguir de bolsa são iguais.

Para você conseguir sua bolsa, você deve acessar o site do Guia do Estudante, você pode fazer isso através desse link https://bolsas.guiadoestudante.com.br/ e logo na primeira página você deve escolher se será graduação ou pós-graduação, em seguida selecionar sua cidade ou a cidade a onde deseja fazer o curso. Agora é só selecionar o curso pretendido e colocar o valor máximo em reais do que é possível você pagar mensalmente e depois é só clicar em “Encontrar minha bolsa”.

Agora o site vai fazer uma busca e mostrar para você uma janela com instituição, curso, valor do curso, porcentagem da bolsa e algumas outras informações pertinentes, agora é só escolher e clicar em “Detalhes dessa bolsa”, agora você vai ver mais detalhes da bolsa, caso seja a bolsa que realmente quer, é só clicar em “Quero essa bolsa”.

O valor para pagamento para adquirir a bolsa varia de acordo com o curso e porcentagem de bolsa que você conseguiu, mas é um valor muito pequeno perto de uma bolsa que dura até o fim de seu curso.

Bolsa de estudos disponibilizadas pelo governo

Além das bolsas que você pode adquirir sem precisar de fazer provas, existem as bolsas disponibilizadas pelo governo, as mais conhecidas é o Sisu e o ProUni.

Bolsa de estudos ProUni

O ProUni é um programa do governo que dá a oportunidade para estudantes de entrarem no ensino superior em faculdades particulares com bolsas de 50 e 100% utilizando a nota do Enem, se você pretende ingressar no ensino superior e acha que o Sisu é muito concorrido, o ProUni pode ser a sua oportunidade de poder estudar em uma escola particular pagando a metade ou nada da mensalidade da faculdade.

Para você concorrer a uma bolsa através do ProUni a primeira coisa que você deve fazer é participar ou ter participado da última prova do Enem, pois somente com a nota em mãos do Enem você vai conseguir fazer sua inscrição no ProUni.

Para você fazer sua inscrição no ProUni é bem simples, não tem erro, é só seguir os passos que você vai encontrar no site do próprio Prouni. Lembrando que esse programa acontece duas vezes por ano, uma vez em fevereiro e outra em junho.

Você deve fazer sua inscrição através desse site http://prouniportal.mec.gov.br/

Bolsa de estudos SISU

O Sisu funciona 2 vezes por ano, a primeira vez em janeiro e a outra em junho e tem como objetivo principal selecionar estudantes para o ensino público superior através de suas notas, lembrando que para conseguir uma vaga disponível no sisu, você deve ter uma nota superior a nota de corte do curso escolhido.

Se você pretende fazer sua inscrição no Sisu lembre-se que só podem se escrever no Sisu desse ano caso você tenha feito o ultimo Enem, caso contrário você não consegue, pois você vai utilizar de sua nota do Enem para concorrer as vagas disponibilizadas. Para acessar o site do sisu é só clicar neste link http://sisu.mec.gov.br/

Essas são as formas mais fáceis de você conseguir uma bolsa para estudar, lembrando que no caso das bolsas disponibilizadas pelo governo, você só pode se escrever caso tenha feito o enem, ter uma boa nota para conseguir a bolsa e só pode se escrever em determinados momentos do ano, enquanto as outras formas só depende de você encontrar o curso e instituição pretendida com o desconto que você quer, pagar e fazer sua matricula. Agora é com você, então não espere e comece o segundo semestre do ano estudando.