Comunismo

O que é o Comunismo

Comunismo é a definição de um modelo político, econômico e social baseado na situação de uma classe social chamada proletariado. O comunismo é uma teoria de tendência para libertação da classe trabalhadora, que está dominada pela situação patrão/empregado, estabelecida pelo capitalismo.

É missão do comunismo acabar com a exploração trabalhista para a obtenção de lucro, prática capitalista. O filósofo que compôs a teoria comunista chama-se Karl Marx. Marx construiu um modelo de sociedade com economia que, de acordo com suas ideias, não sujeita o trabalhador às mazelas e problemas trazidos pelo capitalismo, que para Marx era cruel.

Os livros de Marx fazem uma comparação de como o capitalismo foi prejudicial à sociedade, e por isso era fundamental um modelo mais saudável para a maioria das pessoas.

Para Marx, o comunismo traria o fim das classes sociais, todas as pessoas teriam direitos e benefícios iguais, o trabalho seria compartilhado e dividido de maneira igualitária. Marx acreditava que o comunismo seria o modelo adotado naturalmente após a saturação do capitalismo.

Muitos países tentaram e tentam uma experiência comunista, porém todos eles não seguiram à risca o manual comunista sugerido por Marx. São eles: Cuba, antiga União Soviética e Coreia do Norte. O comunismo chegou a passar de maneira rasa por alguns países da América do Sul, como o Chile.

A obra mais conhecida de Karl Marx chama-se “O capital”. Nesse trabalho o autor comprova, seguindo seus conceitos, que o comunismo é a melhor opção econômica e social para o planeta. Por outro lado, as experiências até agora comprovam que o comunismo acaba sendo explorado de maneira equivocada pelos seres humanos. Exemplos disso acontecem em Cuba e na Coreia do Norte, lugares onde a população sofre na mão de ditadores e sobrevivem em meio à miséria e falta de informação.

No livro “O Capital”, Marx revela sua ótica sobre a economia mundial, sua maneira de operação e o comportamento social em atividade. O trabalho de Karl Marx foi continuado por Lênin, que defendia a imposição do comunismo através de lutas armadas e revoluções bem planejadas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll Up