Diversidade cultural, a história da diversidade cultural brasileira

Por nosso país ser muito grande, pela nossa história, pelos imigrantes que vieram de todas as partes do mundo, nosso país tem uma imensa diversidade cultural e hoje vamos falar sobre a diversidade cultural de nosso país, passando por todas as regiões e falar da cultura de cada uma delas.

História Cultural do Brasil

Para entendermos melhor a nossa cultura, nós temos que falar um pouco da história do nosso país, então vamos voltar alguns anos atrás, para ser mais exato, vamos voltar no tempo no ano de 1500 no descobrimento do Brasil.

Em 1500 o Brasil foi descoberto por Pedro Alvares Cabral, mas o descobrimento foi algo que aconteceu meio que sem querer, pois, Pedro havia se desviado do caminho das Índias e veio parar em nosso território Pedro reivindicou esse território para Portugal.

Com o Brasil começando a ser colonizado por Portugal, muito de sua cultura também se estabelecia em nosso país e isso se misturava com as tribos indígenas que aqui já estavam.

Com a vinda dos portugueses, junto chegou a religião entre muitas outras coisas como a sua comida típica e até mesmo o teatro, para quem não sabe o teatro foi trazido para o Brasil por Portugal.

Em seguida veio os escravos do continente africano, vindo de todas as partes e cada um trazendo a cultura de seu povo, como religião, danças, a própria língua como os próprios portugueses também trouxeram e muito mais.

Com o decorrer do tempo cada território do nosso país começou a ser ocupado, sul, norte, leste e oeste e cada região sendo influenciada pelos seus ocupantes e isso ficou mais evidente quando o Brasil deixou de ser colônia de Portugal, para virar republica.

Após esse período o Brasil recebeu muitos imigrantes, principalmente por conta da segunda guerra mundial e da grande maioria dos imigrantes que vieram para o Brasil, eram de Italianos, Japoneses e Alemães, os Italianos e Japoneses foram mais para a região sudeste e os Alemães, como também os Holandeses foram para a região sul do nosso país.

E com a vinda desses imigrantes a cultura mudou ainda mais nessas e em outras regiões do Brasil e com isso as regiões foram se desenvolvendo e trazendo com elas a cultura e a língua que foi trazida de fora, tanto pelos português, escravos, europeus e asiáticos, formando o que o nosso Brasil é hoje e é por isso que em cada região nós falamos o português com um sotaque diferente e comemos coisas diferentes e também temos histórias diferentes.

Diversidade cultural do Brasil de acordo com cada região

diversidade cultural brasileira

Região Norte

Na região norte do país nós temos uma grande influência dos indígenas e a influência deles é muito forte nessa região, as festividades populares mais conhecidas são o Festival de Parintins, a maior Festa do Boi-bumbá do Brasil, no Amazonas, e a festa de Ciro de Nazaré, grande manifestação católica do país, no Pará. 

A culinária típica do Norte é outra cultura forte do norte e é baseada em mandioca e peixe, mas também há muitos pratos feitos com carne de sol, tucupi, tacacá, entre outras, e frutas como cupuaçu, açaí, taperebá e buriti. Com todos esses nomes indígenas, dá para ter uma noção da força cultural nativa na região.

Região Nordeste

A região norte recebeu uma forte influência dos africanos e de holandeses e traz consigo uma cultura muito rica e vasta, como a língua a dança, a sua comida típica entre outras coisas.

Falando em comida típica a gastronomia típica da região é uma ótima mistura das culturas africanas e brasileiras, com pratos bastante conhecidos, como o acarajé, o vatapá, carne de sol, frutos do mar, buchada de bode, tapioca, bolo de fubá, pamonha, cocada etc. 

Região Centro Oeste

A região centro oeste do nosso país é uma mistura de todos os estados, isso sem falar que cada estado já tem a sua própria mistura, sem falar que a região centro oeste tem bastante influência do Paraguai e da Bolívia por ser próximos geograficamente, as festividades típicas são a dança folclórica do cururu, de tradição indígena, Festa do Divino e Festa de São Benedito, religiosas.

Na cozinha da região, é comum encontrar o arroz com pequi, sopa paraguaia, arroz carreteiro e boliviano, angu e peixes originários do Pantanal mato-grossense.

Região Sudeste

 A região sudeste recebeu imigrantes de todo o lado do mundo, isso se deve porque ela foi uma das regiões mais desenvolvidas com as linhas de trem e as fazendas de café e com essa riqueza, toda a região sudeste era a preferida dos imigrantes e com isso cada um deles trouxeram a sua cultura e as incluíram junto as que nós já tínhamos.

No que diz respeito à culinária. As opções são diversas, como o pãozinho de queijo mineiro, feijoada carioca, virado à paulista, bolinho de bacalhau de Portugal, as massas italianas, moqueca capixaba, picadinho, aipim frito, tutu de feijão, entre muitos outros. As festividades do Sudeste mais tradicionais são as festas do divino, festas em homenagem aos santos padroeiros, festas do peão de boiadeiro, carnaval, samba de lenço e festa de Iemanjá.

Região Sul

A região sul é um caso a parte de todo o nosso Brasil, em alguns casos a influência dos imigrantes é tão forte que parecemos estar em outro país, vemos isso na arquitetura, na língua e até mesmo na aparência física, e tudo isso se deve a grande influência doa alemães. 

Na cozinha, as comidas tradicionais da região são o churrasco, o chimarrão, camarão, carne de marreco e vinhos. A Oktoberfest, a festa da cerveja de origem alemã, é um dos festivais mais conhecidos da Região Sul, sediada em Blumenau-SC. Outro evento bastante conhecido é a Festa da Uva, em Caxias do Sul-RS.

Diversidade cultural do Brasil 

Como vimos, a diversidade cultural do Brasil é muito extensa e varia muito de região para região, isso se deve muito pelo tamanho do nosso país e por todos os imigrantes que recebemos de todos os lados do mundo, se percebemos nós não temos uma cultura única, o mais próximo disso é a que temos no norte do Brasil a onde a influência indígena ainda é forte, nas outras regiões é uma mistura da cultura de vários outros países, formando uma cultura singular para cada estado e isso traz uma riqueza cultural muito grande para nosso país.