Drogas – Cocaína

Quais são as formas de utilização da Cocaína?

A cocaína é uma droga geralmente é utilizada em três formas: pó de branco, onde ela é aspirada ou dissolvida em água para ser injetada; Pasta, onde é fumada em cachimbos, chamada de crack e, Merla, que a cocaína em forma de base, onde os usuários fumam pura ou junto com a maconha.

Veja da onde a Cocaína é extraída

Ela advém de uma planta chamada Erythroxylon coca, encontrada na América Central e América do Sul. Suas folhas são utilizadas pelo povo andino, para mascar ou como chás, no alívio de sintomas decorrentes das grandes altitudes.

Para a cocaína ser encontrada nas formas citadas acima, ocorrem dois processos: quando as folhas são prensadas em ácido sulfúrico, querosene ou gasolina, resulta uma Pasta denominada sulfato de cocaína. Num segundo processo, utiliza-se ácido clorídrico, formando o Pó branco.

O que a Cocaína faz em nosso corpo?

A atuação da cocaína é no sistema nervoso central, onde provoca euforia, bem estar, sociabilidade. Pelos seus efeitos agradáveis, o indivíduo que utiliza essa substância tende a querer usá-la novamente. Como ela perde sua eficácia ao longo do tempo de uso, chamado de tolerância à droga, o usuário utiliza cada vez mais doses mais altas, buscando obter os mesmos efeitos agradáveis que conseguia no início de seu uso.

A identificação de um usuário torna-se perceptível pelos sintomas: coração acelerado, pressão aumentada e, pupila dilatada. O consumo de oxigênio também aumenta, mas a capacidade de captação diminui. Esses fatores, junto com as arritmias que a substância provoca, deixa o usuário pré-disposto a infartos.

Veja o que o uso excessivo faz com o nosso corpo

O uso excessivo, em doses frequentes, acabam provocando alucinações táteis, visuais e auditivas; ansiedade, delírios, agressividade e, paranoia. Como consequências estão: as dores musculares, náuseas, calafrios, falta de apetite e o uso a longo prazo, pode comprometer os músculos esqueléticos .

Além dos problemas sérios de saúde que ele corre risco, estão os problemas em suas relações interpessoais: afastamento da família e amigos, levando-o também a participação de furtos ou assaltos para obtenção da droga.

Outras doenças que a forma de utilização da Cocaína pode trazer

A maneira como o indivíduo consome a droga, também traz problemas: cocaína injetável, pode provocar a contaminação por doenças infecciosas, como hepatite e AIDS, entre outras. No caso de inalação, pode comprometer o olfato,com o rompimento do septo nasal e complicações respiratórias,muito típicas entre os fumantes, incluindo bronquite, tosse persistente e disfunções severas. Mulheres grávidas, podem ter bebês natimortos, com má- formações, ou comprometimento neurológico.

Com a suspensão do uso, o indivíduo se sente deprimido, irritado, e com insônia. Por isso deixar de ser dependente exige amparo e incentivo, além de ajuda médica para o processo de desintoxicação e depois desta etapa, que é a sua inserção na sociedade enquanto indivíduo independente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll Up