Heráclito de Éfeso

Heráclito de Éfeso

Heráclito e sua trajetória

Heráclito nasceu em 550 a. C, na atual Turquia, que naquele tempo era conhecida por Éfeso. A vida pessoal do filósofo ainda é misteriosa. Infelizmente, acabou sendo mais por interpretação do que por análise lógica a ligação das experiências pessoais de Heráclito com suas teorias.
Heráclito era de origem da monarquia de Éfeso, parte de terra dominada por Atenas e que estava estabelecida na Ásia. Não se tornou rei, pois seu irmão era sucessor.


Quem era Heráclito de Éfeso?


Heráclito tinha um pensamento contrário à democracia, ideologia crescente em Éfeso. Também era arrogante com os pobres. Heráclito negou participar da constituição de Éfeso.
Heráclito elaborou suas teorias de maneira independente, pois foi pouco ou nada influenciado por escolas tradicionais ou pensamentos cronológicos da filosofia. Dessa forma, ele foi considerado inovador.
Provocante, Heráclito chamava Pitágoras de falso e os poetas épicos de ridículos, além de criticar a ideologia da época. Seu principal trabalho chama-se “Sobre a Natureza”, textos divididos em 100 partes, os quais evidenciam o ar misterioso imprimido por seu estilo. Em decorrência dessa característica, Heráclito foi chamado de obscuro.
Sua importância na história da filosofia é relevante, sendo considerado um dos grandes nomes do período que antecede Sócrates. Seus conceitos tratavam do problema do ser humano sem habilidades para lidar com as adversidades e dúvidas mundanas.
Como ridicularizava a massa, seus manuscritos foram deixados em Artemis, para acesso posterior e segregado. Ele morreu em 480 a. C.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *