Principais diferenças entre Liberalismo e Socialismo

Desde o século 18 até o século 19, Europa e América modificaram-se bastante. Por causa do crescimento tecnológico e capitalista, muitos teóricos propuseram teses preocupadas com o novo sistema. Muitos intelectuais investiram seu tempo em reformar, repensar e melhorar a organização econômica, política e social.

O capitalismo se consolidou quando provou que o homem poderia acumular riquezas e trocar humanos por máquinas. O modelo econômico atingiu sucesso, pois possibilitou que muitos realizassem seus desejos materiais.

Mesmo após a Revolução Industrial, tudo não ficou apenas em benefícios, pois o capitalismo tem suas desvantagens. O principal problema revelado pelo capitalismo é a segregação social através do dinheiro. Derivados disso vieram o liberalismo e o socialismo.

Socialismo x Liberalismo

Na ilustração acima é possível ver Karl Marx (Criador do idealismo socialista) e Margaret Thatcher uma política britânica conhecido pelo posicionamento Liberalista.

Liberalismo

O liberalismo estava de acordo com várias características capitalistas, entre elas a propriedade privada, a livre atividade comercial, o crescimento dos empresários e sua riqueza. O liberalismo prega que quem trabalha pode ficar rico.

Por outro lado, a miséria seria consequência do fracasso pessoal humano. Portanto, no liberalismo permanece a situação tradicional entre patrão e empregado.

Socialismo

O socialismo aborda as diferenças de outra maneira. Para essa teoria, as desigualdades são consequências da relação existente entre os homens.

Para o socialismo, o pobre não é resultado somente de seu fracasso pessoal, mas também de um sistema que oprime seu crescimento. Para o socialismo, o homem de negócios é apenas a ponta do iceberg de todo um modelo social regido por operários, que trabalham arduamente para manter um sistema que impede o crescimento da classe.

Por isso, liberalismo e socialismo são tuas teorias que se combatem.